Documentário filmado em São Bento do Sapucaí recebe prêmio em Hollywood

Casamento realizado no Restaurante Pedra do Bau
Casamento Realizado com Sucesso
10 de abril de 2016
Da-esquerda-para-a-direita-os-músicos-Alfredo-Paiva-Bruno-Miranda-e-Arthr-Rodolfo
Circuito Tem Sarau na Mantiqueira divulga programação de inverno
30 de maio de 2016
Exibir tudo

Documentário filmado em São Bento do Sapucaí recebe prêmio em Hollywood

This post is also available in: English (Inglês)

O curta-metragem mostra a relação entre o universo da escalada e a vida, criando uma reflexão sobre desafios e a vivência do momento presente

“Agora”, um filme produzido e dirigido por Otávio Lima e Mickael Couturier, foi gravado em São Bento do Sapucaí no início de 2015 e recebeu o prêmio de Melhor Curta Estrangeiro no Hollywood International Independent Documentary Awards – HIIDA em abril deste ano.

Capa-do-filme-Agora-produzido-por-Otávio-Lima-e-Miackel-CouturierSão Bento do Sapucaí, conhecida pela hospitalidade e pelo turismo regional, também é um município que atrai diversos escaladores do Brasil por ser um dos melhores lugares para a prática de escalada no país. Esse foi um dos motivos para que o artista de efeitos visuais, produtor e diretor cinematográfico Otávio Lima escolhesse a cidade como cenário para o documentário “Agora”.. A Pedra da Divisa, local escolhido para as gravações, apresenta não apenas uma escalada de nível difícil, mas também um visual que remete à ideia da dificuldade, além da beleza do lugar em si. O filme, que ainda não está disponível para exibição e tem o escalador Lucas Câmara Lima, irmão de Otávio, como protagonista, venceu o prêmio de Melhor Curta Estrangeiro em abril deste ano no Hollywood International Independent Documentary Awards – HIIDA, divulgado no Evento de Primavera do Festival, que aconteceu dia 11 de Junho, em que participaram os vencedores dos 3 meses anteriores ao evento.

Desde a formulação da ideia, que veio da vontade de juntar o trabalho com a paixão pela escalada que Otávio e o irmão compartilham desde a adolescência, passando pela criação do roteiro até a finalização, o documentário demorou quase um ano para ser criado. As gravações foram feitas na cidade de São Paulo e grande parte em São Bento, na Pedra da Divisa, que como o próprio nome diz, divide  o município e a cidade de Gonçalves, Minas Gerais. Com um projeto colaborativo de 6 integrantes na produção, o filme mostra a relação entre a escalada e a vida, com toda a superação de desafios existente entre as duas potências. Porém, Otávio, através do documentário, faz um apelo à vivencia do dia a dia, mostrando que o importante é aproveitar o momento presente. “A escalada é uma metáfora incrível para qualquer outra coisa. Porque não é o topo que importa, é a escalada”, ressaltou. “O topo é um estado passageiro, você passa por lá e vai descer, começar outra coisa. Você tem que estar conectado com o presente, com o que você faz, com o que você é e com o que te faz feliz”.

Lucas Motoshima, Administrador formado em Análise de Sistemas e morador de São Bento há cerca de um ano, foi um dos integrantes da produção do filme, cuidando da segurança do protagonista e do restante da equipe. Amigo dos irmãos Lima e escalador há 6 anos, Lucas viu no documentário uma forma de agradecer a cidade. “Foi uma experiência incrível poder trabalhar com toda a equipe e poder retribuir todo o carinho sambentista mostrando nossa beleza para o mundo”. E ainda fala sobre o principal objetivo do filme. “É um filme de escalada, porém diz muito sobre a vida e o modo que olhamos para ela. É uma profunda reflexão afim de fazer as pessoas curtirem mais o dia a dia e os seus pequenos detalhes, que fazem dos nossos caminhos mais alegres e felizes”.

Otávio Magalhães Cardoso da Câmara Lima

Otávio Lima no evento trimestral do Festival Hollywood International Independent Documentary - HIIDA em 11 de Junho de 2016. Foto - HIIDA Divulgação

Otávio Lima no evento trimestral do Festival Hollywood International Independent Documentary – HIIDA em 11 de Junho de 2016. Imagem: Divulgação/HIIDA

Otávio é formado em Design Gráfico voltado para Animação pela Universidade Veiga de Almeida – UVA, onde realizou como projeto final da Universidade, a animação “Kmon – Campeonato de Escalada”, que foi selecionada para o Anima Mundi 2014, maior Festival de Animação da América Latina. Atualmente cursando Cinematografia pela UCLA Extension, ele trabalha em projetos paralelos como o filme “Agora”, de 2015. Otávio também trabalhou na Conspiração Filmes como Compositor Digital e Artista de Efeitos Visuais, empresa pela qual fez inúmeros comerciais de TV, incluindo L’Oréal, Coca-Cola, Gilette, e também os filmes “O Homem do Futuro” com Wagner Moura e Alinne Morais, que venceu na categoria Melhor Efeito Visual do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2012, “Gonzaga – de Pai para Filho” e “À Beira do Caminho”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *